Aprenda Agora a Estampar Produtos Sem Sair de Casa

Tinta Sublimatica e os Principais Tipos de Tinta

Basicamente são 3 tipos de tintas disponíveis no mercado para sua impressora jato de tinta. Entenda cada uma delas e qual é a melhor para o seu negócio

Vamos nos concentrar apenas nestes 3 tipos de tinta no momento, e em um outro artigo conversamos sobre outros tipos como solvente e laser, podemos inclusive rever técnicas como os filmes de recorte e de impressão e recorte, não são tintas mas sempre aparecem quando fala-se sobre impressão. Qual é seu tipo de tinta?

Este artigo reúne informações básicas, porém importante para quem está começando ou está em dúvida sobre o tipo de tinta correta para o trabalho escolhido. Este material deve responder algumas questões levantadas nas últimas semanas. Como disse anteriormente, são informações básicas, fique a vontade para comentar logo abaixo e discutir mais sobre o tema.

1 – Tinta Corante

Esta é a mais simples dentre as 3 tintas apresentadas neste artigo. Possui aspecto aquoso, identificada facilmente pelo corante AMARELO, que visualmente assemelha-se com “gasolina”. Esta tinta comparada com as demais é de fácil identificação, mas sempre tenha cuidado ao recarregar a impressora caso possua equipamentos com tintas diferentes.

Esta tinta NÃO deve ser utilizada para impressão em papel transfer, veremos logo abaixo o motivo!

tinta corante

A tinta corante é a que possui menor valor comercial dentre considerando estes 3 tipos, é a mais em conta e também a que menos agrega valor. De maneira geral é indicada apenas para impressão convencional em papel comum ou fotográfico em alguns casos em CD e DVD em impressoras com este recurso.

Tecnicamente “são moléculas coloridas solúveis no meio base da tinta que formam uma solução verdadeira”.

Lembre-se que estamos falando de uma tinta paralela, ela possui limitações quando comparada a uma tinta original:

  • Não é uma tinta a prova de água. Se a impressão for feita em uma folha de papel comum e pingar uma gota de água a tinta vai borrar. Por este motivo esta tinta NÃO pode ser utilizada em papel transfer;
  • Não possui barramento UV (ultravioleta) ou seja ela não possui resistência aos raios UV e desbota, ou melhor oxida com o ar. Esta tinta é utilizada principalmente para impressão de fotografias. Dentro do um álbum ela vai resistir ao tempo – tenho imagens impressas a mais de 9 anos – porém na porta da geladeira, em poucas semanas já estará avermelhada, queimada, desbotada;

Embora a tinta corante tenha esta característica de não ser a prova de água, no mercado existem papéis que são. Você vai encontrar basicamente 2 tipos: papéis que são resistentes a água e papéis que de fato a prova de água

  • Os papéis resistentes a água vão absorver água, ondular mas NÃO vão borrar. Esta é uma característica do próprio papel, mesmo a tinta não sendo a prova de água o conjunto torna-se resistente água.
  • Os papéis a prova de água não vão absorver a água, portanto não vão ondular e nem borrar. Este papéis possuem a mesma aparência de papéis profissionais utilizados em estúdios fotográficos

2 – Tinta Pigmentada

Visualmente já é possível notar a grande diferenças entre a tinta corante e a tinta pigmentada. A tinta pigmentada possui um aspecto leitoso, e a comparação entre a cor AMARELO da tinta corante e da tinta pigmentada define muito bem qual é qual. MUITA ATENÇÃO, a tinta pigmentada é visualmente muito semelhante com a tinta sublimática que veremos a seguir. Reforçando: ao abastecer seu equipamento sempre confirme o rótulo do frasco de tinta!

Esta tinta é a tinta recomentada para trabalhos com transfer, veremos logo abaixo o motivo!

tinta pigmentada

A tinta pigmentada é uma tinta convencional, não possui nenhuma propriedade especial, é utilizada normalmente em equipamentos de escritório, características que veremos logo abaixo. Diferente da tinta corante, possui maior valor comercial, ficando atrás apenas da tinta sublimática, a mais cara entre as 3.

Tecnicamente “são partículas coloridas insolúveis que são dispersas, usualmente por meio de aditivos e moagem, de forma a permanecerem em uma suspensão estabilizada e quase homogênea”

Mas uma vez lembre-se que estamos falando de uma tinta paralela, ela possui limitações quando comparada a uma tinta original. Neste caso vamos compara-la com a tinta corante

  • A tinta pigmentada é uma tinta naturalmente a prova de água. Se a impressão for feita em uma folha de papel comum e pingar uma gota de água a tinta NÃO vai borrar. Por este motivo esta tinta pigmentada pode ser utilizada em papel transfer e aplicado em camisetas. Ao lavar a camiseta a tinta não vai borrar como seria no caso da tinta corante.
  • Lembre-se que a tinta pigmentada não é uma tinta especial, neste caso o que é especial é o papel. O papel transfer, como o próprio nome diz, possui propriedades de transferência. De maneira geral, e para fácil compreensão, o papel transfer possui uma película termo colante, quanto aplica-se TEMPO, TEMPERATURA e PRESSÃO a película solta-se da base de papel e adere na camiseta, por exemplo. A tinta impressa nesta película acompanha o processo e assim vai para a camiseta. Esta película termo colante adere na camiseta superficialmente – imagine um adesivo  – enquanto a sublimação tinge as fibras do tecidoclique aqui para compreender melhor sobre este assunto. A conversa vai longe ao falar sobre transfer, vamos voltar as tintas, em um segundo momento conversamos sobre papéis. Neste artigo temos algumas informações sobre o papel transfer sublimático
  • Outra diferença é que a tinta pigmentada possui barramento UV, o que a torna extremamente durável se comparada a tinta corante. Mais um motivo de sua utilização em mídias como o transfer
  • A tinta pigmentada tem acabamento mais fosco, diferente da tinta corante que possui acabamento bem brilhante na impressão

A tinta pigmentada, conforme comentado acima, é uma tinta comum com características a prova de água e resistentes a luz UV. Foi uma tinta utilizada durante muito tempo em equipamentos multifuncionais, sabendo que documentos necessitam desta durabilidade.

3 – Tinta Sublimatica

A tinta sublimática é visualmente semelhante a tinta pigmentada, mas com um olhar um pouco mais clínico é possível compreender que o AMARELO é mais forte que o tom “gema de ovo” da tinta pigmentada. Atenção redobrada ao abastecer seu equipamento, mantenha a tinta sempre em seu frasco original e sempre confirme o rótulo antes deste abastecimento!

Curso Online de Sublimação em Canecas

Esta tinta sublimatica é a única especial entre as 3. Utilize esta tinta apenas para impressão em papel sublimático e aplicação em prensa térmica!

tinta sublimatica

A tinta sublimática não é uma tinta convencional, ela é diferente de todas as que você viu até aqui, é uma tinta muito especial. Com ela você não poderá imprimir em papel fotográfico ou em documentos, APENAS em papel transfer sublimático. Ela possui maior valor se comparado a tinta corante e a tinta pigmentada, porém é a única que “tudo que toca, vira ouro”. Brincadeiras a parte, esta tinta possui valor considerável no mercado porque com ela as possibilidades são infinitas.

Tecnicamente “são corantes dispersos em solução que tem a propriedade de passar do estado sólido para gasoso quando submetidos a altas temperaturas no momento da transferência. As estampas são transferidas de um papel previamente impresso e os gases penetram nas vibras do tecido sintético (100 % poliéster) que são tingidos permanentemente”

No Brasil a tinta sublimática ainda não é popular ao ponto de ser comercializada em prateleiras do mercado na forma de cartuchos, mas também não se enquadra no que chamamos até aqui de “tinta paralela”. Sabendo que a EPSON é o principal equipamento utilizado no Brasil para sublimação – por conta da tecnologia da cabeça de impressão Piezo Elétrica – atualmente vamos considerar apenas 2 situações

  • Tinta sublimática com tecnologia (Sawgrass, EPSON e Manoukian por exemplo) que possuem controle de metais pesados como chumbo, fluidez na cabeça de impressão evitando entupimentos, pigmentos que geram cores vivas, padronização e fidelidade de cores, perfil de cores/gerenciamento de cores, etc
  • E tinta sublimática sem muita tecnologia, principalmente as tintas chinesas que não possuem controle de chumbo, padronização de cores, adequação a cabeça de impressão/fluidez, fidelidade de cores entre outros fatores já conhecidos pelo brasileiro, já que este muitas vezes procura por preços baixos e não alta qualidade.

Quanto impressa no papel transfer sublimático, a tinta sublimática possui um acabamento bem fosco, cores estranhas e sem vida, mais não se assuste, ela está na metade do seu ciclo. Apenas quando aplica-se TEMPO, TEMPERATURA e PRESSÃO, a tinta sublimática transforma-se em gás e tinge o substrato, revelando as cores reais, vivas e vibrantes. 

A tinta sublimática, conforme comentado acima, é uma tinta especial portanto não possui qualquer comparação com as demais tintas convencionais, ela é única e permite infinitas possibilidades.

Iniciamos aqui uma conversa sobre as principais tintas utilizadas em impressoras de pequeno formato ou impressoras de mesa. O assunto é vasto e abre um leque para centenas de outras informações,  mas a proposta deste texto é simplificar ao máximo e apresentar de maneira prática estes 3 tipos básicos de tinta. Fique a vontade para comentar abaixo, somos uma comunidade e temos crescido graças a sua participação.

nilton-01