Aprenda Agora a Estampar Produtos Sem Sair de Casa

Serigrafia ou Silk Screen – Existe diferença?

Serigrafia ou Silk Screen - Existe diferenças? - Portal Sublimatico

Neste Artigo você vai Conhecer a Resposta para essa Dúvida muito Comum.

Essa é uma dúvida constante que algumas pessoas tem sobre o nome correto dessa técnica, se as duas palavras significam a mesma coisa ou são tipos de aplicação diferentes, enfim, vou tentar esclarecer da melhor forma possível neste artigo.

Primeiramente, Serigrafia e Silk Screen tem o mesmo significado, ou seja, são a mesma técnica só que pronunciadas em idiomas diferentes.

A palavra Silk Screen ficou mais conhecida em nossa cultura, mas a maneira correta de falarmos sobre essa técnica é Serigrafia.

Quando vamos a uma loja comprar produtos para essa técnica, estamos comprando produtos para serigrafia (tinta para serigrafia a base de água, emulsão para matrizes de serigrafia, etc), o profissional que trabalha nesse segmento é chamado de serígrafo, e por ai vai.

Serigrafia ou serigraph (em inglês) é uma fusão das palavra sericos (seda) e graphos (escrever) em Grego.

Silk significa seda e Screen significa tela em inglês

Afinal, o que é a Serigrafia então?

A serigrafia é um processo de impressão no qual a tinta aplicada é vazada pela pressão de um puxador (um rodo) através de uma matriz (uma tela que preparamos e gravamos com um desenho).

Com esse processo conseguimos fazer uma produção em série dos mais diversos tipos de produtos e matérias primas.

Costumo brincar que a serigrafia esta presente muito mais em nosso dia a dia do que imaginamos.

Essa técnica é usada para personalizar roupas, eletrodomésticos, eletrônicos, porcelanas, papéis, adesivos, borracha, alimentos, vidro, enfim, uma infinidade de produtos que temos contato todo o dia e toda hora que não imaginamos que a personalização é feita através da serigrafia.

Veja alguns exemplos do uso da serigrafia na indústria

A serigrafia foi criada através da evolução de uma técnica de impressão chamada “estencil” onde criamos uma máscara vazada com o desenho em uma superfície rígida e com a aplicação de tinta sobre esse molde é feita a impressão.

Serigrafia ou Silk Screen - Existe diferenças? - Portal Sublimatico

Veja uma comparação entre o Estêncil e a Serigrafia

Serigrafia ou Silk Screen - Existe diferenças? - Portal Sublimatico

O futuro da Serigrafia

Quando falamos de evolução, não posso deixar de falar sobre a evolução da serigrafia.

Ela se originou como uma técnica artesanal, manual e até hoje ela é vista dessa maneira, mas com o avanço da tecnologia e da indústria nesse setor, novos produtos e equipamentos foram surgindo e a técnica foi evoluindo.

Hoje temos produtos e equipamentos específicos que fazem todo o processo da serigrafia, desde a preparação da matriz até a impressão, seja completamente automatizado ou manual.

Falando em evolução da estamparia, o transfer, a sublimação e a impressão digital (de grande e pequeno porte), são processos que fazem parte da evolução da serigrafia, ou seja, essa técnica esta em constante evolução e desenvolvimento.

Serigrafia ou Silk Screen - Existe diferenças? - Portal Sublimatico

Podemos afirmar então que a serigrafia convencional vai desaparecer?

Eu acredito que sim e que toda essa evolução vai ser convertida em um sistema de impressão que vem evoluindo, se aprimorando e invadindo tanto a indústria como os consumidores, estou falando da impressão 3D que já é uma realidade!

Mas calma, isso ainda vai demorar alguns bons anos para que isso vire realidade, até lá, temos muito o que aprender e aprimorar com essa técnica fantástica de impressão.

Conheça os Cursos:

Serigrafia para Brindes (Clique Aqui)

Serigrafia Têxtil Pro: do Básico ao Avançado (Clique Aqui)

Cursos e Conteúdo de Rodrigo Pereira

Rodrigo Pereira é Designer com mais de 20 anos de experiência no mercado off-line e online, e atuante a 16 anos no mercado da moda e personalização de produtos promocionais.

Fundou em 2008 a Escola Curso de Silk Screen onde ministra diversos cursos focados na área da serigrafia. Realizou palestras, oficinas e treinamentos em instituições importantes como a Escola São Paulo, Sesc, Moto Honda e a Quanta Academia de Artes.

Atuante desde 2012 nos segmentos de brindes, fundou a empresa CustomizeMe, onde é responsável pelo desenvolvimento de produtos e personalização. Em 2006 criou a marca de camisetas Acervo Pessoal (um dos primeiros comércios eletrônicos de camisetas no Brasil).